Desistir não, Mudar de tática!!!

Resolvi que não vou mais viver em função de achar alguém para suprir minhas carências.

Resolvi não procurar mais nos sorrisos a pseudo-solução para o vazio que tem aumentado a cada dia em mim. Por pior que seja ter que admitir  que eu preciso de alguém pra chamar de meu , resolvi não ficar tentando  achar um sorriso que encante o meu.
Eu não sei mais conviver com essa ausência em meio a muitos.
Não compreendo por que para mim ter o outro quase como uma propriedade é algo tão importante. Minto para mim mesma, finjo que não preciso de ninguém para ser feliz e acabo emudecendo meus sonhos , me acovardando da vida , dos meus pequenos delírios. Só para parecer forte diante dos outros.
Fico imaginando o dia em que um alguém vai somar-se  a minha alegria, a meus planos , a minha felicidade e transforma - lá em nossa.
Tudo em volta parece não evoluir, para que esse alguém  cruze meu caminho. Me interrogo infinitas vezes sobre o que me falta , se a sensibilidade para enxergar os sorrisos ou as oportunidades para que isso aconteça.
Mas  as interrogações serão esquecidas, as suposições postas a prova e os porquês  docemente não respondidos...
Pois resolvi não procurar mais os sorrisos e sim faze-lós me encontrar.

2 comentários:

RENATO disse...

[b] que bom !!que bom ler coisas assim!!CARA o dia que pararmos de nos inquietarmos o homem não sera mais homem !!perdera a sua natureza HUMANA!!!QUE INTRIGA DEMAIS!!!MAS CONFESSO QUE ADORO CONVIVER COMIGO MESMO...!!A NESCESSIDADE DE ESTAR AGREGADO A TRIBOS..PARES...! ESTA LIGADO A QUESTÕES MAIS CULTURAIS QUE HUMANAS!!!QUERO FALAR MAIS DISTO COM VOCE!!!

Wanessa Santos disse...

Seja muito bem-vindo RENATO...

Postar um comentário